Resenha: “O calor das coisas”, contos de Nélida Piñon

Falar em Nélida Piñón (Rio de Janeiro, 3 de maio de 1937) é falar em literatura de primeiro nível, ela escreve muito! O amor em todas as suas formas é o centro dessa obra. A escritora é filha de espanhóis da Galiza (Espanha), o seu nome é um anagrama do seu avô Daniel. É jornalista e professora, imortal da … Continuar lendo Resenha: “O calor das coisas”, contos de Nélida Piñon