Fotos para ler: o mestre André Kertész

O fotógrafo André Kertész (Budapeste, Hungria, 1894- Nova York, 1985) foi um dos melhores fotógrafos que já existiu. Ele imigrou para Paris e depois para os Estados Unidos na época da grande guerra, ele era judeu. Serviu, e serve, de inspiração para muitos outros fotógrafos. Separei uma série de fotos, todas de leitores. André os … Continuar lendo Fotos para ler: o mestre André Kertész

Você sabe o que significa “serendipity”?

O termo "serendipidade" vem do inglês "serendipity". A palavra foi inventada pelo escritor britânico Horace Walpole (século XVIII), ela apareceu em um dos seus contos. O "serendipismo" acontece quando algo muito legal surge por acaso. Exemplo: um físico está estudando sobre a teoria de cordas e descobre um novo elemento químico, que não tem nada a … Continuar lendo Você sabe o que significa “serendipity”?

O FOTÓGRAFO SEBASTIÃO SALGADO RETRATADO EM “O SAL DA TERRA”

Sebastião Salgado (Aymorés, Minas Gerais, 08/02/1944) formado em Economia, é o maior fotógrafo brasileiro da atualidade e de toda a história do Brasil, consagrado entre os melhores do mundo. Em 1969, exilou- se em Paris por causa da ditadura no Brasil. Ganhou o “Príncipe de Astúrias” na Espanha. O fotógrafo lançou o livro Genesis,  Como o … Continuar lendo O FOTÓGRAFO SEBASTIÃO SALGADO RETRATADO EM “O SAL DA TERRA”

71ª Feira do Livro de Madri 2012

No dia 25 de maio começará mais uma edição da Feira do Livro de Madri, que acontece no Parque del Retiro, região central da capital espanhola. O fotógrafo espanhol Chema Madoz (Madri, 1958) criou o cartaz da feira esse ano. Ele tem um trabalho importante e muito premiado na área da fotografia conceitual. O fotógrafo … Continuar lendo 71ª Feira do Livro de Madri 2012

C’est PARIS!

E pelo poder d’uma palavraRecomeço a minha vidaNasci para te conhecerPara te nomear("Liberdade", Paul Éluard) Escadarias da Catedral de Montemartre Eu costumo dizer que cada cidade tem um cheiro, uma atmosfera. Se eu fechar os olhos e recordar Paris... Paris cheira à liberdade e à baguette recém saída do forno. Paris desprende cultura (híbrida), mas … Continuar lendo C’est PARIS!